A PERCEPÇÃO DE INOVAÇÃO EM UM PROCESSO DE REESTRUTURAÇÃO PRODUTIVA: O CASO DO MUNICÍPIO DE TOLEDO-PR, BRASIL

Autores

  • Lucir Reinaldo Alves
  • Eduarda Pires Valente da Silva Marques da Costa

DOI:

https://doi.org/10.54399/rbgdr.v14i1.3474

Palavras-chave:

Desenvolvimento local. Municí­pio de Toledo-PR. Inovação.

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar a mudança da estrutura produtiva e a percepção sobre o conceito de inovações do setor empresarial do municí­pio de Toledo-PR. Este municí­pio apresentou expressiva reestruturação produtiva a partir de 2000. Utilizou-se de um conjunto amplo de dados secundários e primários para caracterizar a estrutura produtiva e populacional, o perfil de especialização do emprego e as variáveis que podem explicar a reestruturação produtiva, o desenvolvimento e a percepção sobre as inovações. Concluiu-se que existe um processo de reestruturação produtiva ainda em fase de desenvolvimento. Um paralelo com a revisão teórica mostrou que o municí­pio precisa criar infraestruturas de C&T&I e promover a integração produtiva territorial. Em Toledo, a preocupação de impulsionar os componentes clássicos de desenvolvimento (a industrialização e seus efeitos de encadeamentos e exportação e a criação de infraestruturas logí­sticas) ainda é muito forte, quando a aposta deveria centrar-se na criação de um meio inovador, associado a um "learning produtivo" a partir das especializações existentes, enquadradas num processo de criação de inovação e tecnologias locais.

Downloads

Publicado

07.02.2018

Como Citar

Alves, L. R., & Marques da Costa, E. P. V. da S. (2018). A PERCEPÇÃO DE INOVAÇÃO EM UM PROCESSO DE REESTRUTURAÇÃO PRODUTIVA: O CASO DO MUNICÍPIO DE TOLEDO-PR, BRASIL. Revista Brasileira De Gestão E Desenvolvimento Regional, 14(1). https://doi.org/10.54399/rbgdr.v14i1.3474

Edição

Seção

Artigos