Política habitacional no Acre e Inclusão Social: o desafio dos governos

Ângela Maria Bessa Fleming, Assed Naked Haddad

Resumo


O presente artigo aborda a questão da habitação no Acre e os principais desafios enfrentados pelo atual governo do Estado no processo de implementação de uma nova política pública de inclusão social para o setor. Inicialmente, apresenta um breve histórico do tratamento que a questão habitacional recebeu por parte do governo federal, assim como expõe os programas e estratégias criadas e desenvolvidas ao longo da década de 90 por parte do BNH, quando da formulação de um programa nacional de redução do déficit habitacional no país. Focaliza os principais estágios de investimentos realizados pelos governos, fruto do volume de recursos advindos do Planalto, que estrategicamente influenciaram nas mudanças, com objetivo de buscar solução emergente para a melhoria da qualidade de vida da população acreana. Os desafios continuam permanentes ao longo desses últimos 10 anos, no sentido de fazer do Acre o melhor lugar para se viver na Amazônia, com esforços empreendidos no âmbito dos três poderes – Legislativo, Executivo e Judiciário.

Palavras-chave


desafios, habitação, estratégia e gestão

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.






ISSN 1809-239X